INÍCIO     NOTÍCIAS     VÍDEOS    CINEMA    EVENTOS    FEMININO    GALERIA DE FOTOS    CONTATO
Homicídio Culposo
Motorista de carro forte acusado de causar acidente com mortes continua preso
10/04/2018 às 14:04:44

 

Um motorista de 37 anos, que estava dirigindo um carro forte, acusado de ter provocado um acidente envolvendo uma carreta e um carro na altura do km 282 da MGT-262 em Santa Bárbara, que resultou na morte de duas pessoas, foi autuado em flagrante delito por homicídio culposo e continua preso à disposição da justiça.

Segundo a polícia, após o acidente, o motorista Wesley Eduardo de Oliveira, foi encontrado pelos policiais fazendo coleta de malotes em um supermercado na entrada da cidade, o mesmo foi ordenado que se deslocasse com o veículo até a sede do pelotão naquela cidade onde seria feito o registro da ocorrência.

Na unidade policial, Wesley Eduardo se recusou a descer do veículo e ficou trancado dentro do carro forte por mais de quatro horas, sem prestar qualquer esclarecimento sobre o acidente, dizendo que só iria falar após a chegada de um advogado da empresa que foi acionado em Belo Horizonte.

Casal morre em colisão frontal entre carro e carreta na MGT-262: Clique aqui

Os militares tentaram de todas as formas convencer Wesley Eduardo a descer do veículo blindado, mas o mesmo foi irredutível desobedecendo a ordem da autoridade policial. Segundo testemunhas, o acusado teria ultrapassado a carreta e ao voltar para pista freou bruscamente na frente do veículo de carga, o carreteiro freou para não bater na traseira do carro forte, mas perdeu o controle, invadiu a contramão e bateu de frente com o carro matando as duas pessoas.

Após a chegada do advogado, Wesley Eduardo saiu do veículo e foi submetido ao teste do bafômetro que não detectou nenhuma quantia de álcool no ar expelido por ele. O motorista conversou com o advogado e em seguida contou a sua versão sobre o acidente.

Wesley Eduardo disse aos militares que realmente realizou a ultrapassagem e que no momento da manobra avistou o motorista da carreta dirigindo e se alimentando com uma das mãos, que logo em seguida ouviu um barulho e observou pelo retrovisor uma grande quantidade de poeira na rodovia, mas que não parou para saber o que havia acontecido.

Os policiais registraram a ocorrência que foi encerrada na delegacia de Polícia Civil em Itabira. Wesley Eduardo foi autuado em flagrante pelo delegado de plantão que se baseou no artigo 302 da lei 9503. Praticar homicídio culposo na direção de veículo automotor com pena de detenção, de dois a quatro anos, e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir.

ItabiraNet.com







E-mail: contato@itabiranet.com

(31) 8891-0512

NOTÍCIAS EM ÚLTIMO MINUTO!

© ItabiraNet 2018. Todos os direitos reservados. Webmail