INÍCIO     NOTÍCIAS     VÍDEOS    CINEMA    EVENTOS    FEMININO    GALERIA DE FOTOS    CONTATO
Itabirano é suspeito de participar de assassinato de jornalista no Maranhão
Crime
11/09/2015 às 07:57:22

Um itabirano é suspeito de participar de um caso que mobilizou a opinião pública do estado do Maranhão. De acordo com a imprensa local, Elker Farias Veloso, 26 anos, seria um dos integrantes de um grupo que assassinou a tiros o jornalista Décio Sá, em um bar da capital São Luís. A vítima era repórter do diário O Estado do Maranhão, além de manter um blog no qual apresentava opiniões contundentes e polêmicas. 

O itabirano foi citado pelo acusado de ser o autor dos disparos, Jhonatan de Sousa Silva, como sendo o responsável por esperar pelo atirador em uma moto e o ajudar na fuga. Na época do crime, em abril deste ano, o pistoleiro teria dito que Elker se chamava Diego, que seria um codinome apresentado pelo rapaz de Itabira.

Atualmente, Elker está preso em Divinópolis. Agentes da Polícia Civil de São Luís estão na cidade mineira para interrogar o itabirano. Caso seja confirmada a participação dele no crime, o rapaz será transferido para a capital do Maranhão.

O caso

O jornalista e blogueiro Décio Sá foi assassinado na noite de 24 de abril no bar Estrela D’Alva, na Avenida Litorânea, em São Luís, no Maranhão. Segundo testemunhas, ele estava sentado quando, por volta de 23h30, um homem chegou caminhando, apontou uma arma e atirou duas vezes contra a cabeça do jornalista, que morreu na hora. Depois, o matador fugiu em uma moto. Ainda de acordo com as testemunhas, um comparsa aguardava o atirador do outro lado da pista.

Décio Sá era repórter do jornal O Estado do Maranhão. No seu blog pessoal, colecionava milhares de acessos e algumas polêmicas pelo estilo crítico dos seus textos e dos assuntos que explorava. Ele dedicava o trabalho a cobrir a política do Maranhão. Durante a carreira ganhou a simpatia de muitos e a antipatia de outros tantos.

Os mandantes do crime seriam empresários e até um subcomandante da Polícia Militar é acusado de ceder a arma para a execução do jornalista. O atirador seria um pistoleiro profissional que já tem histórico de 49 mortes. O itabirano Elker Farias Veloso também seria contratado para ajudar no assassinato.

Com informações de O IMPARCIAL







E-mail: contato@itabiranet.com

(31) 8891-0512

NOTÍCIAS EM ÚLTIMO MINUTO!

© ItabiraNet 2020. Todos os direitos reservados. Webmail